jump to navigation

PAI e a autopunição inconsciente agosto 14, 2016

Posted by Elza Prado in Diversos, Terapia Floral, Texto da Semana.
Tags: , , ,
add a comment

pai herói 2

Lendo um texto da Cristina Cairo no livro “A lei da afinidade” pude perceber como faz sentido essa coisa de que as informações recebidas pelo inconsciente modelam nossa vida e a forma como nos comportamos perante a vida. Se só percebemos conscientemente 5% de todo o restante dos 95% inconsciente que continuamente sabota o sucesso como se com os fracassos a pessoa pudesse se redimir dos erros do passado.Grande parte da população age assim. “Na infância nosso cérebro é bombardeado por informações positivas e negativas, verbais e subliminares, que o nosso inconsciente interpreta como leis”, dai repetimos comportamentos e decisões decorrentes desse condicionamento quando adultos.

Pela filosofia chinesa temos em nós energia masculina representada pelo YANG que tem relação com a figura do PAI e com a matéria e por consequência com o dinheiro. Temos em nós também a energia feminina YIN que representa a MÃE e o aconchego e nutrição.

A dificuldade para ganhar ou manter o dinheiro ($$$) está relacionada a situações mal resolvidas com o PAI, mesmo que você não se recorde. Para visualizar a estabilidade ou o sucesso financeiro é necessário estar em boa sintonia com o representante do dinheiro: SEU PAI. Muitos discordam, citando casos de pessoas que não se dão bem com o pai e tem muito dinheiro. Entretanto, se pudéssemos observar profundamente os verdadeiros sentimentos dessas pessoas, entenderíamos que elas não estão guardando raiva do pai em seu coração.

Somos frutos dos nossos pais! A pessoa que engole a mágoa do PAI e esconde de si mesma, jogando para dentro do inconsciente, é que sofrerá com os danos da autopunição e da autossabotagem. “Ninguém erra a barriga na hora de nascer. Temos o PAI e a MÃE que merecemos, e sempre estaremos crescendo espiritualmente, seja pela dor ou pelo amor. Liberte-se de todo sofrimento secreto para que seu futuro seja brilhante.

Arrematando este artigo, eu não poderia deixar de citar, dentro da minha especialidade, de que para aqueles que sofrem destas dificuldades na vida, podemos cuidar e resgatar as qualidades do YANG positivo em homens e mulheres com as essências florais, consulte um terapeuta floral mais próximo de você e seja feliz!

BEECH (sistema BACH) ou MIRABILIS (MINAS) = resgatando o modelo de pai amigo, conselheiro com senso de justiça e retidão de pensamento. OAK (sistema BACH) ou AGAVE (MINAS) = resgatando o modelo do pai herói que usa a sabedoria ao invés de carregar o mundo nas costas. SWEET CHESTNUT (sistema BACH) ou HELIOTROPIUM (MINAS) = resgata o modelo do pai sentimento.

 

 

 

 

ANO NOVO, VIDA NOVA! janeiro 2, 2014

Posted by Elza Prado in Exercícios Terapeuticos, Exercicios em Geral, Mensagens do Dia, Novidades!, Texto da Semana.
Tags: , , , ,
add a comment

 Ano Novo 2014 Virgem MariaTodo primeiro de Janeiro é o dia das promessas que fazemos a nós mesmos. Há sempre uma grande vontade de transformar tudo que não deu certo no ano anterior, gerando uma expectativa enorme de que coisas boas aconteçam em nossas vidas nos próximos meses.  Como tudo depende de uma atitude mental nossa, estamos cansados de saber, vamos alavancar arregimentando forças de todos os nossos corpos: o físico, mental,  emocional e o espiritual dizendo agora mesmo a si mesmo, com voz firme e decidida: “Eu quero construir um mundo novo, maravilhoso e perfeito em minha vida. E se eu quero, eu posso,  e  se eu posso eu realizo, pois todo divino poder criador de Deus está em minhas mãos (é minha a responsabilidade) e a minha vontade põe em ação toda a energia que necessito neste instante para perseverar com total determinação na conquista de todos os meus objetivos e superar com elegância toda e qualquer imperfeição humana e a dificuldade que poderá surgir em meu caminho.  E estou preparado para a vida… e para vencer, e por isto, eu vou concretizar de fato, tudo o que eu desejo agora e…sempre!”

FELIZ ANO NOVO! Vamos que vamos!

Coisas que a gente demora a vida toda prá descobrir setembro 22, 2011

Posted by Elza Prado in Terapia Floral, Texto da Semana, Uncategorized.
Tags: , , , , ,
add a comment

A gente tem consciência das nossas imaginações, sonhos, intuições, lembranças, realidade, ou tudo isso parece confundir mais ainda a nossa vida diária?  Muitos levam a vida sem muitos questionamentos.  Se o rio corre para cima está bom, se corre para baixo também entende?  Pode até parecer mais cômodo levar a vida sem muitas reflexões, pois para muitos,  analisar as próprias atitudes e comportamentos seria como mexer num vespeiro.

Vivem apenas na busca da satisfação de necessidades básicas e primárias, como dinheiro, comida, sexo e trabalho.  Importam-se no que dizer, fazer e/ou ter, mas raramente conseguem ser.    Alguns vivem apenas para gastar o que ganham,  sem se preocupar com uma vida de significado mais amplo.  São aquelas pessoas que encontramos depois de anos e  tudo permanece igual.   Podem até terem conquistado algum bem material, mas não houve evolução, transmutação ou crescimento interior.

Para aprender a controlar nossos comportamentos, desejos e ações, temos que compreendê-los e analisá-los.  Enquanto formos incapazes de exercer algumcontrole sobre as nossas emoções, seremos estranhos a nós mesmos, incapazes de influir sobre o mundo que nos cerca porque não teremos contato com nossa própria realidade interior.  Evitamos entrar em contato com nossos sentimentos mais profundos, até como forma de defesa,pois tememos nos machucar.

Os caminhos de alienação de si próprio são os mais diversos.  Alguns evitam encarar sua realidade trabalhando o tempo todo.  Outros adoecem.  Outros ainda passam o tempo todo cuidando da vida alheia.   Tudo isso para não ter tempo de olhar para si mesmos.   As pessoas que não refletem sobre a sua própria vida, distanciam-se cada vez mais de seus reais sentimentos.

Simplesmente vão agindo impulsivamente,  caminhando sem saber para onde.  Qualquer desculpa parece válida para que as pessoas desviem a atenção das dores que algumas lembranças trazem e que podem machucá-las.  Nos esquecemos que podemos estar nos prejudicando ainda mais,  principalmente quando se recorre às drogas, ao álcool ou ao jogo,  pois o vício é também uma forma de fuga.  Pode-se até obter resultados por algum tempo, mas nunca poderemos fugir do que há dentro de nós para sempre.

A recusa em enfrentar a realidade e os próprios sentimentos é uma reação normal. Ás vezes não se tem nem consciência de que fugimos de nós próprios, pois na maior parte,  o fazemos inconscientemente.  Só nos damos conta de que algo não vai bem internamente, quando nos deparamos com alguma dificuldade e entramos em conflito e angústia.  Este é o momento de olhar para dentro de si mesmo e perguntar-se: ” o que acontece, porque me sinto triste, vazio, insatisfeito, infeliz??”

A vida está em constante movimento,  requer que estejamos em constante movimento também, todo conflito, dor, qualquer condição negativa significa resistência inconsciente.   É quando precisamos de ajuda.  É tão bom conversar, compartilhar,  procure um terapeuta holístico mais próximo de você! A Terapia Floral faz maravilhas, bom eu sou suspeita.

Deus conversando contigo! …dos teus dramas… abril 27, 2010

Posted by Elza Prado in Diversos, Meditação, Texto da Semana.
Tags: , ,
add a comment

A Academia Terapeutica se rende a beleza das palavras e tocam fundo todos os nossos corpos: mental, emocional, espiritual e físico sejamos nós ELE ou ELA. Lembra do filme “Conversando com Deus”!

..Eu sei do drama que tem sido a tua vida.  Sei o quanto te deixa irritado, o quanto te deixa tenso o fato de não conseguir preencher os vazios de tua alma.  Sei do quanto tens lutado e das dificuldades que tens encontrado para fazer brotar a paz em ti.  Quanta inquietação isto te traz, eu também sei.   Conheço, as tuas descidas, quando tentavas subir, as tuas metas abandonadas no meio do caminho, quando estavas a um passo de serem alcançadas por ti,  Os teus intentos, não efetivados. O descrédito adquirido em função do teu desânimo. Sei o quanto procuras solucionar as questões que te acercam, diariamente. Sejam elas profissionais ou financeiras. Sejam elas familiares ou afetivas. Sejam elas sociais ou religiosas. Eu sei o quanto tudo isto te preocupa sempre. Preocupa  ao ponto de obrigá-lo a tornar-se um superherói, para que assim possas carregar tanto peso nas costas. E sem demonstrar nenhuma dor e sem demonstrar nenhum cansaço.

É.. meu amigo,  minha amiga..sei muito sobre ti, por isso te entendo.

Lembre-se:  Ame-se …e abrir-se-ão todos os portais da felicidade em seu favor, porque Deus é amor.

O que você está criando? março 28, 2010

Posted by Elza Prado in Diversos, Texto da Semana.
Tags: , , , ,
add a comment

Tudo no Universo é 99,99999% luz. Você é 99,99999% luz. Já percebeu o poder que tem? Reflita longamente sobre isso.  Tudo, desde um pinheiro a Porsche, ou uma mansão, é composto de energia ou luz.  As energias que causam a guerra são as mesmas que geram a paz. Dor ou prazer, pobreza ou prosperidade, tudo é feito da mesma substância de luz energética do nosso universo. Você afeta tudo sem exceção.

Os pesquisadores do HeartMath Institute descobriram que as pessoas que sistematicamente experimentaram o que chamaríamos de emoções negativas, ou seja, a raiva, o medo, a preocupação, a frustração, a autocomiseração, elas estão alterando o seu DNA, fazendo com que ele se contraia.  Ao inverso, quando as pessoas experimentaram emoções positivas como amor, gratidão, reconhecimento, alegria, realização, abundância o DNA começa a se descontrair e se desembaraçar. Quando isso ocorre, o potencial adormecido desperta!

Entretanto para que as emoções positivas sejam maioria em nossa vida, dependerá muito além do desejo, unica e exclusivamente do nosso movimento para que isso aconteça. Como? Nos observando,  observando nossos pensamentos e sentimentos. Lendo a respeito, assistindo bons filmes, vendo menos televisão ou pelo menos não aos noticiários que nos vendem mais guerras e situações de sofrimento que realizações e movimentos pró-ser humano. Reservando um horário do dia, geralmente pela manhã para orar, meditar, fazer afirmações em prol daquilo que QUER alcançar, seja ele qual for um relacionamento harmonioso, um trabalho melhor, um novo negócio, independência financeira etc…

O PODER DE TER março 3, 2010

Posted by Elza Prado in Diversos, Texto da Semana.
Tags: , , , ,
2 comments

Olá, após dois meses de ausência por pura falta de tempo, já que precisei me dedicar a cuidar da minha mãe. Ela caiu e teve o ombro direito quebrado, passou por uma cirurgia, colocou pinos, entretanto um dos pontos infeccionou e exigiu cuidados especiais. Agora ela está iniciando a fase da fisioterapia.

Bom, o texto que vem a seguir é de uma linguagem bem popular de fácil compreensão, parece que a Kika Miranda está conversando com a gente, ele complementa e esclarece nossas dúvidas com relação ao porque não conseguimos os resultados esperados com o “Programa: Programe sua Mente para a Prosperidade em 30 dias” disponível aqui no Blog. Para TER precisamos primeiro SER. Muitos de nós estamos vivendo primeiro o TER sem SER e nos surpreendemos com resultados nada inspiradores. SER é a ponte para o TER.

 

 

 

 

 

 

TER,  ter algo é muita responsabilidade.  Ter alguém então é impossível. Infelizmente fomos criados de duas formas ou temos tudo ou não temos nada.

Quando não temos os suficiente, o necessário que nos satisfaz, teimamos em arrumar milhões de desculpas para não nos sentirmos inferiores perante os outros.

É muito comum dizer:

Deus não quis que eu tivesse..

O diabo não quer que eu tenha..

Fizeram macumba pra mim..

Tenho traumas de… e muitas outras racionalizações.

O “ter” envolve muito mais coisas do que podemos imaginar. Em primeiro lugar, temos que estar preparados para obter alguma coisa. Sem as condições necessárias, quando forçamos alguma coisa antes da hora, com certeza, ela só causará problemas.  Se queremos algo, é imprescindível formarmos uma situação favoravel ou adequada para a chegada dessa nova situação. É igual quando queremos receber um hóspede e nos preparamos para isso. Com certeza vamos arranjar um local confortável para o seu repouso. É certo que daremos um jeito para aumentar a quantidade de alimentos, enfim, preparamos tudo para que ele se sinta o mais confortável possível.

Quando queremos ter algo sólido em nossa vida e isso se aplica a tudo, desde objetos até condições, devemos nos preparar para tudo que vem junto.

Ninguém é louco para comprar um sofá que não caiba em sua sala. Mas é louco o suficiente para sonhar em viver em meio a milionários, sem saber se comportar adequadamente. Ninguém é louco para parar uma pessoa estranha e pedi-la em casamento. Mas é louco para ocultar o seu verdadeiro ser e fingir sentimentos e atitudes que não existem de verdade em sua personalidade.

Agora pergunto:  Será que você está tomando atitudes adequadas para a chegada daquilo que você tanto almeja? É uma pessoa?  É um objeto? É uma situação?  Pare e pense se já existe no seu espaço o lugar adequado e harmonioso para esse objeto, situação ou pessoa se instalar.

Existe uma lei que é imutável  “A lei da atração dos semelhantes”, ela não tem critérios de escolha, é cada qual, com o seu igual, quer queiramos ou não.  Por isso ter algo é de muita responsabilidade. De que adianta forçar situações onde a rejeição é evidente?

Quando isso ocorre, é sinal certo de que temos o necessário para que essa situação flua de maneira harmoniosa em nossa vida.

Lembre-se “Mais importante que ter, é saber para que,  com que objetivo e o que vamos fazer com o objeto de nossa posse”.

No livro “Como você se ve” Kika Miranda há uma oração  específica para esse caso:

Senhor!

Quem bate é (seu nome)

É minha vontade que (seu pedido) passe a fazer parte da minha vida. É minha vontade que (seu pedido) deixe o mundo dos sonhos e desejos e se torne realidade no meu mundo.

Abra todas as portas!

No tempo certo, crie todas as condições necessárias para que o meu objetivo se instale na minha vida.

O Senhor prometeu, que aquele que  batesse a sua porta, o Senhor a abriria. Pois então! Eu estou aqui e tenho certeza absoluta que o Senhor já me atendeu.  E se, o que estou pedindo, não for bom para mim, que o Senhor o substitua imediatamente por algo muito melhor e adequado.

Desde já, dou graças pela completa e total realização do meu pedido.

Metas e Foco – Novo Ano, vida nova! janeiro 2, 2010

Posted by Elza Prado in Diversos, Texto da Semana.
Tags: , , ,
add a comment

Ínício do ano, quantas promessas!! sempre as mesmas no primeiro dia, fazer exercícios para chegar ao peso ideal, deixar certos vícios, mudar de emprego, de negócio e tudo acaba em uma semana, o que acontece?? caimos na rotina,  no padrão de comportamento viciado, ao qual estamos tão acostumados que tudo que fazemos é robótico é como apertar um botão e tudo que fazemos diàriamente é exatamente igual.  Queremos resultados diferentes?  portanto devemos estar abertos às mudanças e realmente colocar foco naquilo que queremos para nossa vida.

Trabalhe em um plano anual pessoal, escreva aquilo que quer atingir em Dezembro de 2010, faça um plano de ação por área da sua vida. Ou seja, divida o seu plano em:

Par, família, financeiro, profissional, saude, lazer, social

Coloque-se na frente da fila, seja fiel aos seus planos pois quando começar a ver os resultados esperados tudo à sua volta estará mudado também, lembre-se tudo mudo quando nós mudamos, a responsabilidade é toda nossa de ninguém mais.

Neste momento a Academia Terapêutica esta empenhada em motivá-lo a acreditar em si mesmo, e continuará seu trabalho a ajudar seus leitores, membros e alunos a ter saúde e qualidade de vida em todos os seus corpos, duvida? espere para ver!!!

Mulheres +40 novembro 22, 2009

Posted by Elza Prado in Diversos, Exercicios em Geral, Novidades!, Terapia Floral, Texto da Semana.
Tags: , ,
add a comment

Na Academia Terapeutica o corpo emocional tem seu lugar.  Hoje conversando com uma cliente, sobre sintomas físicos como muita dor de cabeça dois dias antes e dois dias depois da menstruação, ela comentou da importância de um tratamento humanizado, citando a preocupação de um ginecologista conceituado que ela visitou em São Paulo que teceu o seguinte comentário:

…Ah se os homens percebessem que a partir de uma certa idade, após os 40 anos, geralmente a mulher entra na pré-menopausa e começa a ter problemas físicos como forte dores de cabeça, irritabilidade, perda da libido. Eles reagem a essas crises como, “crises de frescura”, ou “mudança na personalidade”e acabam se separando.

Como eles não passam por este processo, não conseguem entender o que acontece.

Sugerir acompanhamento de um bom ginecologista para as mudanças hormonais é o primeiro passo assim como o de um terapeuta para trabalhar o entendimento da personalidade ao passar pela fase, resgatando sua qualidade de vida.  Seria deveras uma demonstração de carinho e compreensão e com uma probabilidde enorme de aquecer a relação.

MITO:  Existe ainda um mito de que a Terapia é algo ligado ao desequilíbrio mental. Que pena, pois é engano, uma conversa bem dirigida, esclarece onde está a limitação, a resistência, fator essencial da dor ou conflito, que muitas vezes se somatiza na forma de doenças.

 

Alma não julga, Lixo ou Luxo julho 28, 2009

Posted by Elza Prado in Diversos, Exercicios em Geral, Meditação, Texto da Semana.
add a comment

O valor do dinheiro não é um fim em si mesmo, mas a consciência do dinheiro que ele traz, já que é um símbolo da riqueza inesgotável do Universo e contém a perspectiva da abundância (positivo) = idéia construtiva não de ganância (negativo) = idéia destrutiva.

Crise econômica = sórdida maneira de acumular dinheiro, riqueza versus saúde econômica = adequada maneira de circular dinheiro, riqueza com o intuito de aumentar o bem estar.

Como somos seres influenciáveis, movidos pelos cinco sentidos, aquilo que vemos, ouvimos e sentimos acreditamos como verdade absoluta,  portanto, registramos a ganância associada à riqueza representada pela luxúria, que é um dos sete pecados capitais.  É o que a mídia mostra e vende!

O nosso conceito de “religião” nos faz recusar a prosperidade financeira como algo pecaminoso,sujo e nos mantém na pobreza, conveniente para quem?

A Alma não julga, não entende a diferença entre – (Eu sou) lixo e (Eu sou) luxo, tudo vem da mente consciente, ela (a alma) processa sem julgamento.

Se eu me sinto um lixo e me trato como um lixo, a vida me trata como um lixo e a Alma atua buscando situações de desconforto, de pessoas que o desprezam, colegas que o desrespeitam, salários incompatíveis etc….

A boa notícia é que podemos mudar isso, temos o poder da escolha.  Se me sinto um lixo posso escolher ser um luxo e quem vai dizer que não sou!  É um exercício assim como podemos começar dar passos para mudar nosso olhar, nossos ouvidos, nossos sentidos. Onde estivermos, na rua, na loja, no trabalho, na escola podemos buscar algo para ELOGIAR alterando o padrão de só ver defeitos. Fazer isto, até este novo hábito se automatizar. Exercitando a busca do bem, do bom,.  É o mesmo que aprender a dirigir, no início é muito difícil olhar, observar, cuidar, acelerar, frear, mudar a marcha..ufa! muita coisa ao mesmo tempo, a gente não se acostuma?  e de repente se ve dirigindo, conversando com o colega do lado?

Parábola da Semana – Combater a Causa – Eficiente ou Eficaz? julho 24, 2009

Posted by Elza Prado in Texto da Semana, Uncategorized.
add a comment

Sentados à beira do rio,  dois pescadores seguram suas varas à espera de um peixe.  De repente, gritos de crianças trincam o silêncio. Ambos se assustam, olham em frente,  olham para trás.   Os gritos continuam e nada. Vêm então que a correnteza trazia duas crianças, pedindo socorro.  Os pescadores pulam na água.  Só conseguem salvá-las à custa de grande esforço.  Mais berros quando estão prestes a sair do rio.  Notam quatro ciranças debatendo-se, tentando salvar suas vidas.  Só conseguem resgatar duas e sentem, além do cansaço, a frustração pela perda.  Não refeitos, ofegantes, exaustos, escutam uma gritaria ainda muito maior.  Desta vez, oito pequenos seres vêm sendo trazidos pela correnteza. Um pula na água, o outro vira-se rumo à estrada que acompanha a subida do rio.

O amigo que pulou na água grita:

-Você enlouqueceu, não vai me ajudar?

Sem parar o passo, o outro respondeu:

– Tente fazer o que puder.  Vou verificar por que as crianças estão caindo no rio.

Combater o efeito é ser eficiente,  mas combater a causa é ser eficaz.